Achachairu – Fruta exótica

Foi me apresentada  a fruta exótica Achachairu,  nunca tinha ouvido falar.  Fiquei maravilhada com o sabor quando minha nora me apresentou e no mesmo momento experimentei. Me veio na memoria gustativa …  goiaba verde, mas com textura diferente,  uma delícia!!! 

Fui investigar e compartilho com vocês… não fiquei muito longe na minha percepção , pois diz a literatura  que lembra araça, nada mais é que nossa goiabinha do cerrado.

images [800x600]

(Foto/texto adaptado:Wilson Barbosa e Fabiana Artioli)

A CEAGESP vem comercializando há alguns anos o achachairú, fruta exótica produzida no nordeste brasileiro. Trata-se de frutífera nativa da Bolívia e muito apreciada em Ayacucho, Santa Cruz, onde se realizam festas anuais para promoção da fruta e de seus produtos industrializados, como sucos e doces. 

Os frutos têm massa média de 30g e são globoso-oblongos, semelhantes a uma nêspera. São amarelo-alaranjados, com casca grossa , lisa, firme e resistente; internamente a casca é creme-palha. A polpa, não aderente à casca, é branca, suculenta e de textura mucilaginosa, representando 1/3 da massa média do fruto, sendo que após retirada dos frutos se oxida rapidamente. O sabor, que lembra um pouco ao do araçá, é bem agradável e adocicado.  As sementes desuniformes, de 1 a 3 por fruto, são esbranquiçadas, alongadas e grandes. Normalmente, há apenas uma semente por fruto, sendo as demais chochas.

Achachairu_Fruits_thumb [800x600] [800x600]

Natural das florestas quente-úmidas da bacia amazônica, essa pequena árvore cresce facilmente a partir de sementes, em torno de  quatro anos em seu local de origem.  A planta alcança no máximo oito metros de altura e produz cerca de três mil unidades. Ele diz que a cultura do achachairu, nas condições climáticas do Cerrado, tem o período de florescimento entre os meses de julho a setembro. O amadurecimento dos frutos ocorre de novembro a janeiro.